vaso com planta a nascer

Fórmulas biodegradáveis

Trabalhamos continuamente para sermos mais sustentáveis e melhorar a biodegradabilidade das nossas fórmulas. Fique a conhecer como trabalhamos para estas metas e alguns dos nossos produtos amigos do ambiente.

ONE SKIN. ONE PLANET. ONE CARE.

O processo de biodegradabilidade

A biodegradação é um processo natural e equilibrado que garante um fluxo circular de materiais na natureza. Observamos que sempre que as árvores perdem as suas folhas na floresta, estas fundem-se ao solo com nutrientes vitais para os meses seguintes. No entanto, os materiais modernos e não biodegradáveis interrompem frequentemente este processo e o ciclo natural.

Garantir a biodegradabilidade é uma das nossas prioridades no desenvolvimento das fórmulas de cuidado da pele. Ao usar ingredientes biodegradáveis, garantimos que os materiais podem retornar à natureza sem deixar vestígios no meio ambiente. Para avaliar a biodegradabilidade das nossas fórmulas, utilizamos métodos analíticos de acordo com a OCDE ou diretrizes equivalentes.

Um cuidado da pele biodegradável

Os benefícios dos produtos de cuidado da pele biodegradáveis tornam-se evidentes por exemplo na categoria de limpeza do corpo. Pense na quantidade de produto que é utilizada e que desce pelo ralo do chuveiro. Uma vez utilizada, a água é enviada para estações de tratamento de efluentes, onde os processos de limpeza simulam o processo de biodegradação natural. Um produto de cuidado da pele biodegradável facilita o tratamento de águas residuais e garante que apenas substâncias inofensivas entram nos nossos sistemas de água.

Para melhorar a biodegradabilidade das nossas fórmulas, NIVEA decidiu no ano de 2013, eliminar as partículas esfoliantes feitas de polietileno dos produtos cosméticos. Desde o final de 2015, todos os esfoliantes NIVEA estão isentos de microesferas e, desde 2020, todos os produtos de limpeza NIVEA, como géis de banho e shampoos, estão livres de quaisquer microplásticos, de acordo com a definição do Programa Ambiental das Nações Unidas (PNUMA). Em vez disso, usamos alternativas ecológicas. 

planta a nascer


Como usamos os polímeros

A discussão sobre microplásticos também se expandiu para incluir substâncias que têm propriedades fundamentalmente diferentes. Os ingredientes em questão são polímeros, que são dissolvidos em água ou em forma de gel.

mulher a segurar uma pequena planta

Crescemos por si e pela natureza

São utilizados em pequenas quantidades como espessantes, estabilizantes ou formadores de filme e fornecem inúmeros benefícios aos produtos, como maior resistência à água em filtros solares ou melhores resultados de alisamento do cabelo em shampoos. Mas, de acordo com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), estes polímeros não são microplásticos.

Independentemente do nome e finalidade, todos os polímeros usados nos produtos NIVEA correspondem aos mais altos requisitos de segurança. São compatíveis com a nossa pele e não são alergénicos. Prometemos que até ao final de 2025, todos os polímeros usados nas nossas fórmulas europeias serão biodegradáveis. Para nós, a biodegradabilidade é fundamental para excluir possíveis impactos negativos nos ecossistemas.


Os produtos NIVEA biodegradáveis

Sister2Sister

Se tal como nós procura a melhor forma de preservar os ecossistemas, da próxima vez procure por este símbolo para se certificar de que os seus produtos de limpeza corporal são tão suaves para a sua pele como para o meio ambiente.

mulher a tomar banho com uma lufa

Para uma limpeza corporal biodegradável

Das nossas linhas de cuidado da pele biodegradáveis, destacamos a categoria de limpeza corporal. A maior parte dos seus produtos favoritos, assim como a nossa gama de banho Naturally Good e Fresh Blends, já são mais do que 95% biodegradáveis.

toalhitas para limpeza facial NIVEA

Use e abuse destas toalhitas

As toalhitas NIVEA são outro excelente exemplo de produtos de cuidado da pele biodegradáveis. As fórmulas das nossas toalhitas alcançam um nível de biodegradabilidade de até 95%, e a sua produção leva a uma redução de 50% no uso de água e nas emissões em comparação com a viscose genérica.